Avançar para o conteúdo principal

Assim sou eu



Desde muito cedo sempre me disseram que eu vivia numa utopia porque acreditava em tudo e todos, não via as segundas intenções, a falsidade, a ingratidão porque em mim carrego uma sensibilidade muito grande e como sou assim espero o mesmo (ou parecido) por parte dos outros que passam ou permanecem na minha vida. Com tantos tombos e quedas, com tantas obstáculos que já ultrapassei, algumas derrotas mas também vitórias saborosas, a vida ensinou-me a crescer, a ganhar maturidade e agora vejo o mundo com outros olhos.

Acredito no amor eterno, na compaixão, solidariedade, entreajuda, fazer bem ao próximo e tento praticar sempre estas permissas para o meu bem-estar interior porque eu só sei ser assim. Não guardo ódios nem rancores, perdoo mas não esqueço, e a quem me deseja o mal entrego tudo nas mãos de Deus. Vivo a minha vida sem estar condenada a opiniões alheias, sei quem sou e para o que vim, gosto muito de mim e quem fizer por merecer a minha amizade acreditem que têm aqui uma amiga para a vida.

Apesar de todas as desilusões e dissabores que passei desde muito pequena nunca deixei de ser quem sou, na minha verdadeira essência, não sou melhor nem pior do que ninguém, apenas eu...diferente...porque ninguém é igual a ninguém...embora ao meu lado tenha minha alma gémea que me dá força para continuar a acreditar que vale sempre a pena a gente lutar por aquilo que acredita e pelos nossos sonhos.

Nunca me fiz de vítima, nem gosto de quem o faça, porque sei que a luta é minha, só minha, e só eu a terei de enfrentar, e nada nem ninguém pode ser marterizado por isso. Sempre aprendi a arregaçar as mangas, a desenrascar-me, por isso, com 19 anos já trabalhava e estudava em simultâneo. Isso fez-me ser a pessoa que sou hoje, que sabe dar valor às pequenas coisas simples da vida, não me deixo ir em rebanhos nem no politicamente correto...digo o que sinto e penso sem medo porque há uma palavra que se chama "respeito" que eu muito prezo.

Conquistei amizades que duram há mais de 18 anos, tenho um marido que é o melhor do mundo, uma mãe que é uma das minhas razões de viver, animais que amo porque pertencem à minha família, e pessosas que conheci em redes sociais que são como irmãs para mim. Não sou de meios termos, não gosto de nada pela metade, é o tudo ou o nada, vivo e deixo viver, aproveito cada dia e sei que a minha vida será sempre de luta, sempre com dificuldades mas não me importo porque sou uma guerreira de luz e tenho uma missão cá na terra. Distribuo sorrisos, amor e carinho por quem o merece, risquei alguns seres da minha vida porque só me faziam mal, aprendi a distinguir o bem do mal, os falsos dos verdadeiros, e começei a acreditar que, por muito que custe, por vezes temos de seguir por outro caminho, fechar portas e janelas que não levam a lado nenhum.

Acredito em Deus, em pequenos milagres, tenho muita fé nos meus anjos da guarda, tanto os do céu como os da terra, revolto-me contra as injustiças, detesto gente presunçosa, avarenta, insensível, ingrata e críticas destrutivas. Sou de trato fácil, simples, humilde, teimosa na defesa dos meus ideais, aprendi que em determinadas situações temos de ser mais frios e calculistas porque assim tem de ser, e defendo-me desta sociedade, na qual nunca me encaixei, com o meu próprio mundo onde sou feliz com pouco. A felicidade é mesmo assim...está na simplicidade, na beleza na natural, em corações puros, almas bondosas, luz que se irradia, saber ouvir mais ao invés de falar e falar e falar, ser autêntico e respeitar sempre os outros, independente das suas crenças, ideologias e formas de pensar!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Marcas portuguesas de roupa, acessórios, calçado e lingerie

Porque o que é Nacional é bom (este sempre foi um dos meus lemas, lutar e diovulgar aquilo que de melhor se faz no nosso país) andei a fazer uma pesquisa intensiva na internet e deparei me com todas estas marcas portuguesas, na sua maioria expandidas além-fronteiras. Grande parte já conhecia mas outras não e fiquei admirada pela qualidade e beleza das suas coleções. Claro que existem muitas mais mas o post já estava a ficar muito extenso e então selecionei apenas estas! Afinal nós somos muito bons no que fazemos...temos é deixar de lado aquela mentalidade de "coitadinhos" e arriscar, seguir em frente, sem nunca olhar para trás. Estas marcas são a prova disso mesmo. Resultaram do arrojo de pessoas como nós que tinham um sonho e lutaram por ele. Hoje são um caso de sucesso. Uma vénia e aplausos para todos os seus responsáveis. 
No topo das minhas preferências está a One, Lanidor, Salsa, Tiffosi, Parfois...fiquei surpreendida e completamente rendida à Sonne Butti, Scripta, Ria…

Feira de Artesanato de Vila do Conde 2016

Wonder Laces - mais um exemplo do que bem se faz em Portugal

Nasceu para dar uma nova vida às sapatilhas que temos em casa, desafiando - através de aplicações - a criatividade e o estilo pessoal de cada um, de uma forma simples e económica. Chama-se WONDER LACES e é a primeira empresa portuguesa a dar resposta a uma nova tendência de moda estilizada. A WONDER LACES tem à frente Madalena Ruão Garcez, fundadora e gestora da marca que criou em Março deste ano. A responsável explica que a ideia surgiu pelo facto de ser uma apaixonada pelo mundo da moda e que, após um estudo de mercado, descobriu que não havia, em Portugal, nenhuma marca que disponibilizasse aplicações para calçado: “Perante a nova tendência de moda com recurso a aplicações, percebemos que existia uma lacuna no mercado português, uma vez que, não existia nenhuma marca com acessórios para sapatilhas. A WONDER LACES surge com esta missão e com o intuito de dar uma nova vida, não só, às sapatilhas, mas também, ao calçado em geral, de uma forma criativa, prática e económica. Atacadores, …