terça-feira, 8 de setembro de 2015

Blogosfera mais unida

Tenho o meu blog há muitos anos, já não precisar quantos porque pelo meio, e devido a problemas pessoais, ficou inactivo até que o decidi reabilitar e voltar à carga. Não me considero blogger bem nada do género, apenas uma jornalista que adora escrever sobre tudo um pouco e que, como todas as mulheres, é apaixonada por moda, cosmética e tudo o que seja relacionado com um estilo de vida saudável.

Já tive parcerias momentâneas com algumas marcas, promovi diversos passatempos, sozinha ou em conjunto com outros blogs e páginas no facebook, mas por agora caminho sozinho e tudo o que vou mostrando (não é muito porque a carteira não o permite) são produtos que vou adquirindo ou são ainda de ofertas de um passado recente.

Como utilizo muito o facebook para as minhas vendas tenho-me deparado com picardias acesas entre as denominadas bloggers e, na maior parte dos casos, só vejo maldade e inveja. Atacam as pessoas sem dó nem piedade só pelo simples prazer de espezinhar. É triste...muito triste...e super revoltante quando em causa estão pessoas que eu conheço e gosto de acompanhar. Sei que têm uma boa essência, admiro o trabalho fabuloso que fazem e fico possessa com a atitude dessa gentinha sem vida própria.

Mas a lei do karma há-de chegar para esses seres e um dia vão cair no próprio veneno que destilam. Comigo nunca se meteram, talvez porque tenha uma dimensão muita pequenina, e se algum dia alguém tiver essa lata pode crer que levam com a resposta ou então ignoro...depende do meu estado de espírito..por vezes é melhor dar ao desprezo porque esse tipo de pessoas não merece que nos retirem a nossa paz interior.

A blogosfera seria muito mais aprazível se houvesse mais união, mais compreensão, respeito mútuo, honestidade, menos diz que disse e competição desenfreada. Parece uma utopia...eu sei...porque a nossa vida quotidiana também já tem o que se lhe diga e no dia--a-dia e, por vezes, deparamo-nos com situações de bradar aos céus. A vida real parece que é transportada para o mundo virtual e isso é muito mau. Espero que as coisas melhorem, que as pessoas metam a mão na consciência e aprendam de uma vez por todas que a vida é uma passagem. Temos de a desfrutar ao máximo, evitando qualquer tipo de conflito desnecessário que só nos desgastam por dentro.
Pensem nisso!


Sem comentários:

Enviar um comentário

AQVA, dermacosméticos com água termal portuguesa

Tal como acontece com outras instâncias termais internacionais - de que são exemplo a Avene, Vichy, La Roche Posay e a Uriage - também as T...