Avançar para o conteúdo principal

Carta aberta ao Pai Natal


Antes de começar a escrever a minha carta tenho de confessar o seguinte: desde que duas das minhas três mães partiram (sei que são duas estrelinhas no céu e estão sempre comigo) esta quadra perdeu muito significado para mim. Depois, não posso com outras coisas: o consumismo exacerbado por esta altura, os shopings a rebentar pelas costuras com tanta gente, o trânsito caótico em tudo por quanto é lado, a hipocrisia que paira no ar porque há quem envie aquelas mensagens tipo fotocópias a quem nunca dirigiram uma palavra durante todo o ano, já para não falar dos anúncios na TV a falar de mais e mais campanhas quando a entreajuda e a solidariedade devem ser praticadas durante todo o ano e não só agora para parecer bem no figurino! Aiiii o que isto me irrita!!!!!
Pronto e tendo dito o que me vai na alma, porque como sabem aqui a espalha brasas o que tiver a dizer diz sem qualquer tipo de receio nem medo de represálias, vou recuar aos meus tempos de infância (quando aí o Natal tinha para mim uma magia muito especial, a minha grande desilusão foi quando me disseram que o senhor das barbas brancas não existia, o que eu chorei nesse dia minha nossa…) e escrever uma carta sentida porque eu não consigo ser de outra forma. Aliás, pensando bem eu acho que nunca escrevi uma carta ao senhor da barriguinha farta :-O
Então cá vai, pela primeira vez:

O que mais desejo do fundo do coração é ver a minha mãe melhor, porque eu sei que ela está muito em baixo à conta de uma depressão que a obriga a tomar 12 comprimidos por dia e tudo porque a porcaria do Governo lhe queria dar uma reforma de 180 euros para quem trabalha desde os 14 anos!!!!
Aquilo foi como uma facada no coração da minha melhor amiga, confidente, uma das pessoas que mais amo neste mundo, com um coração do tamanho do mundo e que sei que posso contar sempre! Por isso mãe peço ao menino Jesus que te dê muita força e saúde para enfrentares mais esta batalha, e não ligues a quem te virou as costas quando mais precisavas, não fiques triste com essa malvada ingratidão porque Ele onde está não dorme e sabe o bem que já fizeste a tantas pessoas sem pensar duas vezes; eras capaz de dar a tua camisola se fosse preciso, és a minha inspiração sabias?
E como és uma guerreira (eu tinha de sair a alguém) e sei que Deus está connosco e vai ajudar-nos! Estarei sempre ao teu lado porque tu és parte de mim e eu amo-te tanto que me sinto impotente porque, nesta altura em que passamos por grandes dificuldades económicas, apenas te posso dar o meu carinho, amor e apoio incondicional!
Mas sei que tudo vai melhorar….depois só me resta agradecer, uma vez mais, a Ele por ter encontrado o homem mais maravilhoso deste mundo que me faz sentir a mulher mais feliz e realizada de sempre! Para ti, meu amor, eu peço muita saúde e sorte, tal como ao meu pai, a quem fui buscar o meu espírito revolucionário. Amo-vos muito a vocês os dois. E o que me resta mais pedir? Bens materiais não preciso porque não é isso que me aquece a alma…apenas sentimentos puros, pessoas verdadeiras do meu lado…e que todos os que eu amo e estão no meu coração possam cumprir todos os seus sonhos e encontrar a felicidade plena que, por vezes, está ali tão perto que não damos por ela. Quero ver sorrisos espalhados nos rostos de quem mais adoro e nada de tristezas…nem solidão…nem amarguras…nem mágoas….leva tudo isso para bem longe sim?
A finalizar peço também uma vida saudável para todos os meus animais, membros da minha família, e a todos os animais deste planeta. Que acabem os abandonos e maus-tratos e que quem lhes faça mal seja punido severamente! Gostava também que todas as crianças pudessem viver uma infância feliz e saudável, que a situação de muitas famílias a viver no limiar da pobreza em Portugal melhorasse e que este Governo emigre para Marte urgentemente!
É que não se aguenta mais dois anos a levar com estes tipos que só nos roubam diariamente, pedindo sacrifícios e mais sacrifícios a quem já não pode apertar mais o cinto! E já agora uma recado para vocês, governantes de treta: já que me levaram a carne, agora roam-me os ossos!!!!!!!

Susana Cardoso

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Marcas portuguesas de roupa, acessórios, calçado e lingerie

Porque o que é Nacional é bom (este sempre foi um dos meus lemas, lutar e diovulgar aquilo que de melhor se faz no nosso país) andei a fazer uma pesquisa intensiva na internet e deparei me com todas estas marcas portuguesas, na sua maioria expandidas além-fronteiras. Grande parte já conhecia mas outras não e fiquei admirada pela qualidade e beleza das suas coleções. Claro que existem muitas mais mas o post já estava a ficar muito extenso e então selecionei apenas estas! Afinal nós somos muito bons no que fazemos...temos é deixar de lado aquela mentalidade de "coitadinhos" e arriscar, seguir em frente, sem nunca olhar para trás. Estas marcas são a prova disso mesmo. Resultaram do arrojo de pessoas como nós que tinham um sonho e lutaram por ele. Hoje são um caso de sucesso. Uma vénia e aplausos para todos os seus responsáveis. 
No topo das minhas preferências está a One, Lanidor, Salsa, Tiffosi, Parfois...fiquei surpreendida e completamente rendida à Sonne Butti, Scripta, Ria…

Feira de Artesanato de Vila do Conde 2016

Wonder Laces - mais um exemplo do que bem se faz em Portugal

Nasceu para dar uma nova vida às sapatilhas que temos em casa, desafiando - através de aplicações - a criatividade e o estilo pessoal de cada um, de uma forma simples e económica. Chama-se WONDER LACES e é a primeira empresa portuguesa a dar resposta a uma nova tendência de moda estilizada. A WONDER LACES tem à frente Madalena Ruão Garcez, fundadora e gestora da marca que criou em Março deste ano. A responsável explica que a ideia surgiu pelo facto de ser uma apaixonada pelo mundo da moda e que, após um estudo de mercado, descobriu que não havia, em Portugal, nenhuma marca que disponibilizasse aplicações para calçado: “Perante a nova tendência de moda com recurso a aplicações, percebemos que existia uma lacuna no mercado português, uma vez que, não existia nenhuma marca com acessórios para sapatilhas. A WONDER LACES surge com esta missão e com o intuito de dar uma nova vida, não só, às sapatilhas, mas também, ao calçado em geral, de uma forma criativa, prática e económica. Atacadores, …